Silício orgânico

O ativo que embeleza a mulher!

O silício faz parte da estrutura da elastina, do colágeno, dos proteoglicanos e das glicoproteínas. A reposição do silício é feita ma forma de silício orgânico, pois testes comprovam que nesta forma ele é biologicamente ativo. Com o envelhecimento do indivíduo o teor de silício diminui. Verificou-se, no entanto, que a sua reposição promove uma regeneração dos tecidos danificados.

Uma deficiência em silício (Si) pode resultar, principalmente, na modificação das trocas celulares, desidratação dos tecidos, aparecimento de rugas, envelhecimento precoce, processo lento de cicatrização, etc.

Silício Orgânico
Participa da estrutura dos tecidos conjuntivos:

  • Indispensável para o desenvolvimento normal do ser humano;
  • Teor importante no mesênquima embrionário;
  • Teor diminui com a idade, ocasionando desestruturação e envelhecimento do tecido cutâneo.

O ácido o-salicílico Si (OH)4 está ligado por pontes de hidrogênio aos aminoácidos de colágeno marinho. Desta forma se consegue disponibilizar o silício biologicamente ativo ao organismo. É estável e hidrossolúvel.

Propriedades biológicas

  • Fornece elementos necessários para a biossíntese de colágeno, elastina e mucopolissacarídeos, portanto atua de forma benéfica sobre o envelhecimento dérmico e arterial. Atua sobre o processo de renovação do tecido conjuntivo.
  • Está relacionado com a integridade das unhas e dos cabelos.
  • Essencial na formação dos ossos – está relacionado ao processo de calcificação, independente da presença da Vitamina D. Previne a ocorrência da osteoporose.
  • Estudos demonstraram que o silício está relacionado com o processo de crescimento, e sua deficiência demonstrou deformidades no crânio.
  • indicado para doenças cardiovasculares, como hipertensão e aterosclerose. Mantém as artérias flexíveis.
  • Ajuda a manter a firmeza, elasticidade e tonicidade da pele. Auxilia no combate ao envelhecimento cutâneo prematuro.
  • Estimula a síntese das fibras de sustentação da pele, atuando diretamente sobre o metabolismo celular.
  • Reforça a membrana celular, tornando-a mais resistente ao ataque dos radicais livres e exercendo uma ação protetora sobre as células cutâneas.
  • Ajuda a pele a recuperar sua capacidade de defesa natural, afetada pela exposição aos raios UV.
  • Importante na prevenção na doença de Alzheimer.
  • Auxilia na retenção de moléculas de água sobre a pele, normalizando o teor hídrico das células cutâneas, pois atua sobre o sistema de auto-hidratação.

Posologia:
Até 300mg/dia. Preferencialmente longe das refeições. Deve ser tomado no mínimo por 3 meses, não
causa tolerância e não é cumulativo.